Vestibular UVA2016




Alho na Ração do Gado Reduz Gás do Efeito Estufa

Esta substância interfere no metabolismo da porção abdominal dos ruminantes, extraindo do alimento que eles consomem.

Postado em 25/08/2010 | 0 Comentário(s) | 4709 Acessos

Bovino produz menos gases de efeito estufa quando sua ração é enriquecida com substâncias do alho.

Decisivo aqui é o que sai pela boca. Um ruminante elimina 98% do gás metano resultante de seu processo de digestão, por meio de arrotos, que contribuem para o efeito estufa - prejudica ao clima

O que uma vaca produz em metano por ano, tem o mesmo efeito que o CO2 emitido por um carro de tamanho médio, que roda, anualmente, 18.000 quilômetros. Mas com uma ração especial é possível reduzir consideravelmente a produção de gás metano pelo gado. O segredo, nesse caso, é utilizar bissulfato de dialilo, um componente do alho.

Esta substância interfere no metabolismo da porção abdominal dos ruminantes, extraindo do alimento que eles consomem o hidrogênio que contribui para a produção de metano. A ração enriquecida com bissulfato de dialilo forma apenas o inofensivo ácido propiônico. Pesquisadores holandeses da equipe dos cientistas Jan Dijkstra e Sander van Zijderveld também testaram no gado outras substâncias, de efeito parecido - e conseguiram obter uma redução de até 15% na geração de gás metano.

Ração com componentes de alho

	O gado em confinamento

Evidentemente os animais não são alimentados diretamente com a planta de alho, e sim com agentes químicos idênticos aos encontrados na natureza. "O leite produzido sem prejuízo ao clima, seguramente não tem o gosto do alho", assegura Van Zijderveld.


Fonte:


Revista Geo


Deixe um comentário